Peru: Onde trocar o dinheiro – Melhores cotações

Antes de te falar onde trocar, você precisa responder outras perguntas como:

  • Troco o dinheiro aqui ou lá?
  • Levo Dólar ou Real?

Ambas foram respondidas nesse post aqui (Clique aqui). Aconselhamos que você responda essas primeiro e depois defina onde trocar no Peru.

Onde trocar no Peru

Nas cidades você encontrará melhores taxas do que no aeroporto. Se necessário pagar táxi ou transporte troque no aeroporto somente o necessário, pois a cotação é ruim. Pra você terem ideia, quando estávamos indo embora, sobraram alguns soles e queríamos destrocar pois não teríamos o que fazer com eles, por sorte a agencia do aeroporto estava fechada e esbarramos com uns brasileiros também aguardando a abertura para comprar um pouco. Fizemos pra eles pelo preço que pagamos na cidade e era muiiito menor do que estavam cobrando na agência, papo de uns 20 à 30 centavos mais caro que na cidade, enquanto pagávamos uma média de 1 pra 1 na cidade, ali 1 sol custava uns R$1,25 .
Considere também a facilidade na hora de trocar o dinheiro. Para eles, o dólar é praticamente moeda corrente, herança da época de instabilidade econômica. Você poderá pagar em dólar e receber seu troco em soles, assim já fica com dinheiro local.
A taxa de conversão destes estabelecimentos comerciais costuma ser bem razoável quando comparada às casas de câmbio.
Cuidado com as notas de US$ 100,00 – elas não são sempre aceitas, por medo de falsificação.
O Real só poderá ser trocado em casas de câmbio que podem estar longe do seu hotel, ou fechadas no horário em que você chega. Será um pouco menos fácil, mas nada que atrapalhe. Cuidado com cambistas clandestinos pelas ruas, nós não recomendamos. Há vendedores oficiais, nós vamos explicar aí embaixo.

Locais com boas cotações

:: Lima ::

:: Casa de Cambios La Aurora
:: Money Gram – Shopping Larcomar – aberta aos fins de semana – cotação era um pouco mais alta.
:: Ouuuuu, nosso lugar de troca favorito: Nas RUAS! Sim, há vendedores confiáveis nas ruas, eles seguem a cotação oficial do país, vestem o colete oficial e estão espalhados por toda cidade com bolos de dinheiro na mão. Em Lima era muito comum, até estranhamos ver aquela pataca de dinheiro que eles mostram sem o menor pudor, ato impossível de se ver no Brasil. Mas eles nos garantiram que não há nenhum risco de assalto. Juro que tirei uma foto de um deles com um bolo de dinheiro na mão, mas não achei aqui, de qualquer forma, olha uma foto deles aí, note que o encostado no poste é um e logo a frente tem uma outra senhora com bonezinho, é bem fácil de encontrar.

Em adição à pergunta do Vilker nos comentários, as ruas que encontramos mais facilmente: Av Jose Larco. Ali pelas proximidades da Prefeitura sempre tinham vários, outro lugar certo é perto da Calle Tarata, umas duas quadras antes da prefeitura, e no cruzamento da José Larco com a Alfredo Benavides. Basta procurar os coletes vinho. Por ali tem várias casas de cambio com cotação similar também, vale pra conferir o preço, mas prefira os ambulantes pois são registrados pela prefeitura.
Em Lima o cambio é um pouco melhor, então se você passar por aqui antes, troque um a mais, assim você troca em Cusco só o que faltar.

:: Cusco ::

Em cusco não encontramos os ‘trocadores de rua’ com tanta facilidade, e acabamos trocando em casas de cambio pela cidade. São muitas, sempre observe os preços e vá perguntando em todos pra quando precisar, já saber onde tem a melhor cotação. Por incrível que pareça, as casas na praça não são tão diferentes das demais, então vale pesquisar em todas por ali também.

Taxas por saque no Peru

Já fez o seu seguro viagem? Além de obrigatório em muitos países, o seguro viagem te deixa tranquilo pra curtir relaxado. Perder vôo, perder mala, ficar doente ou qualquer outro problema, pode se transformar em um probleminha quando você esta seguro ou se transformar em um PROBLEMÃO se você tiver que resolver tudo sozinho e pagar por isso. Clica aqui pra cotar um seguro com a Real Seguros ou aqui pra ver qual é o maior cupom de desconto disponível hoje na Seguros Promo.

:: Scotiabank – Sem taxa
:: Banco de la Nación (caixa vermelho e branco) – Sem taxa
:: BCP 5,60 soles
:: BBVA 14,50 soles
:: Caixas eletrônicos Global Net 10 soles (Esses caixas eletrônicos Global Net (com um cartaz escrito Union Pay) eram encontrados no aeroporto, nos hotéis e nos locais turísticos. Parecia ser o Banco 24h deles)
Nota: Esses valores podem variar com o tempo e de caixa eletrônico para caixa eletrônico, é sempre bom conferir antes.

Conclusão

Se fosse na data de 24/1/17, valeria mais a pena levar dólar. Não posso te dizer hoje, se vale ou não, faça as contas e avalie. Considere também as facilidades de troca do dólar.

  • Em Lima: Troque com os cambistas com aventais pelas ruas.
  • Em Cusco: Troque em casas de cambio, que possuem cambio variável, pesquise preços no local.

Espero ter ajudado, se tiver mais algo a acrescentar, escreve aí que adicionamos.


Outros posts sobre o Peru que podem te ajudar:
:: 10 motivos para conhecer o Peru
:: Peru: Sugestão de Roteiro 11 dias
:: Peru: Levar Dólar ou Real – Troco aqui ou lá?
:: Peru: Onde trocar o dinheiro – Melhores cotações
:: Como comprar ingresso para o Machu Picchu sem intermediários
:: Cusco: Onde ficar – Melhores bairros, regiões e hotéis pra se hospedar
:: Cusco: Quanto custam os passeios aos sítios
:: Como evitar o mal de altitude: Soroche
:: 10 segredos de Machu Picchu que você não sabia

17 comentários em “Peru: Onde trocar o dinheiro – Melhores cotações”

  1. Oi!!!
    Irei para Lima 29 de dezembro.
    Penso em levar R$1.500,00 para gastar nos dias que ficarei lá.
    Minha pergunta: será que vale mais a pena trocar esses reais para dólar, aqui no Brasil, e viajar com dólares (até melhor porque ficaria menos volume de dinheiro), e lá trocar os dólares para soles, OU ENTÃO, levar os reais e trocar direto pra soles lá?
    Oq você me recomenda?
    Adorei o post!!!
    Abraço!

    Responder
  2. Olá Ingrid. Obrigado pela resposta. Uma outra dúvida (última, juro) é a seguinte: vou chegar em Lima dia 15/09, num sábado a noite. Você sabe me informar se esses cambistas da prefeitura trabalham aos domingos? Vou me hospedar no bairro Miraflores.
    Obrigado.

    Responder
    • Pode perguntar até MIL! Adoro comentários! Rsrs
      Mas confesso que agora vc me pegou, pq não lembro se funcionavam domingo. E já procurei aqui nos sites oficiais e não tem informação.
      Te aconselho o seguinte: Chega e troca no aero um pouquinho pra não passar aperto, mas não troca na primeira cabine que aparecer não, vê do lado de fora se não está mais barato, as ultimas e mais escondidas costumam ter cotações melhores. Ai vc tenta trocar no dia seguinte, se não tiver ninguém, usa cartão de crédito mesmo ou tenta em casas de cambio padrão. E aí só na segunda vc troca mais. Se for pra cusco depois, aproveita e troca pensando em lá, pq é mais barato em Lima.

      Responder
  3. Boa tarde. Obrigado pelo post, muito informativo.
    Gostaria de saber se esses cambistas ambulantes não são perigosos em relacao a notas falsas.
    Irei em setembro/2018.diogo

    Responder
    • Olá Diogo! De forma alguma, eles ficam com coletes vinho, são os oficiais da prefeitura. Pode ir sem medo. Se for sem colete e crachá, não, aí corre rs.
      O maior perigo são em casas de câmbio meio mequetrefes, essas corre o risco sim.

      Responder
  4. Bom dia eu tenho duas pergunta cartão de crédito internacional eu consigo usar no peru e aonde e outra pergunta eu tenho o cartão normal da minha conta da cef da poupança tem algum lugar que eu possa usar lá passar no débito.

    Responder
    • Olá Eloir!
      Consegue usar cartão de crédito internacional lá sim! Usei algumas vezes e foi normal. Mas lembre-se de informar ao seu banco que fará essa utilização, se não eles podem bloquear. Normalmente esse aviso é feito online, pelo internet banking, ou vc pode ligar para lá.
      Para o cartão de débito da CEF é da mesma forma, se informe com o banco se ele está habilitado pra ser usado internacionalmente, e se sim, faça o aviso de viagem que funcionará bem.
      Lembre que as bandeiras Visa e Master são as mais aceitas, qualquer outra pode não ser aceita em todos os lugares.
      Espero ter ajudado 😉

      Responder
  5. Eles também trocam reais por dólares, ou só por soles? É que de lá, vou para o Equador, onde o dólar é a moeda oficial, e está tão alto o valor do câmbio no Brasil, que pensei em trocar lá…o que vcs acham?

    Responder
    • Olá Cyssa!
      Creio que troquem também, mas como a moeda corrente é Soles, eles devem fazer a cotação como se você estivesse comprando soles com o real e depois soles por dólar.
      Serão duas conversões, mas pode ser que valha a pena, só fazendo conta com a cotação de lá pra ver se vale a pena. Mas que você consegue, sim, consegue.

      Responder
  6. Boa tarde! Muito grato pelas informações! Mas gostaria de saber em qual rua de Lima poderei encontrar esses vendedores? Qual o melhor lugar para encontrá-los? Obrigado.

    Responder
    • Olá Vilker!
      Nós encontramos eles espalhados nos mais diversos lugares, mas a rua com a maior concentração deles foi a Av Jose Larco. Alí pelas proximidades da Prefeitura sempre tinham vários, outro lugar certo é perto da Calle Tarata, umas duas quadras antes da prefeitura, e no cruzamento da José Larco com a Alfredo Benavides. Basta procurar os coletes vinho. Por ali tem várias casas de cambio com cotação similar também, vale pra conferir o preço, mas prefira os ambulantes pois são registrados pela prefeitura. Espero ter ajudado!

      Responder

Deixe um comentário