Amazonas Manaus Food

Manaus: O que e Onde comer e beber – Comidas típicas


Confesso que esse é sempre um dos posts mais importantes de toda viagem pra mim. Além de toda a curiosidade com a floresta e de ver ao vivo tudo que sempre falarão na escola, Amazonas muito me intrigava pela culinária, e eu não queria deixar de provar nada, loooogo, segue a listinha esperta pra você também não deixar passar nada.

Vou fazer aquela listinha aqui pra te ajudar a navegar mais fácil, só clicar.

Comidas Típicas

:: Tacacá / Costela de Tambaqui / Tucupi / Farinha de Uarini/ Tartarugada ou Carne de tartaruga

:: Peixes do Rio Amazonas / Moqueca de Pirarucu / Costela de Tambaqui / Sanduíche de Tucumã

:: Tapioca / Pimentas

:: Frutas típicas – Sucos e sorvetes/ Açaí / Guaraná

Dicas de restaurantes

:: Banzeiro/ Tacacá da Gisela/ Choupana/ Tambaqui de Banda

:: Zefinha Bistrô/ Peixaria Bom Gosto/ Waku Sese/ Da Terra/ Beth Balanço

:: Café Regional da Joelza/ Café Regional Priscila/ Mercado Municipal Adolfo Lisboa

:: Feira da Rua Eduardo Ribeiro/ Glacial Sorvetes/ Tortas & Tortas

:: African House/ Skina dos Sucos

:: Cachaçaria do Dedé & Emporio

:: O Chefão ou A Viúva/ Calçada Alta/ Bar do Armando

 

Tá aí o mapa pra você salvar no telefone e usar offline.

 

Voltar ao topo

Comidas típicas

Tacacá

Mesmo com todo calor que faz por lá, o Tacacá é um dos pratos mais consumidos pelos manauaras. Uma sopa feita de tucupi, camarão, folhas de jambu (Aquele que amortece a língua) e goma de farinha de mandioca. O lugar mais famoso é a barraca da Gisela, na praça de frente para o Teatro. Bem autêntico, saboroso e preparado com toda a higiene, ideal para o estômago dos turistas. Ele é um pouco forte e diferente para os turistas, peça um para para provar e depois verifique se quer mais.

Tucupi

Se as raízes da mandioca brava são moídas e prensadas surge um caldo que é o tucupi. É venenoso, mas depois de fermentado, fervido e temperado é possível comer como molho para peixe frito ou assado. Comumente combinado no pato com tucupi, caldeiradas e no tacacá

Farinha de Uarini

É conhecida também como “farinha ovinha” devido à semelhança com as ovas de peixes locais, leva o nome da cidade onde é produzida, há 500 quilômetros de Manaus. A matéria-prima é a mandioca amarela, colocada na água por até sete dias, quando se transforma em uma massa chamada puba. Ela é então espremida, moída e peneirada em formas com grandes orifícios. Ao fim do processo, os grãos são secos e depois hidratados. É mais grossa e crocante, com “bolinhas” que lembram ovas de peixe, por isso o apelido. Entra em receitas tradicionais como o Pirarucu de Casaca e também no acompanhamento de pratos mais sofisticados.

Tartarugada ou Carne de tartaruga

Estão surgindo criadouros de tartarugas legais, então busque saber a procedência e a autorização do Ibama para a comercialização, até mesmo para sua própria saúde.

Voltar ao topo

Peixes do Rio Amazonas

Pelo menos 10 das 2mil espécies de peixes dos rios da Amazônia é possível provar nos restaurantes da cidade. Entre as receitas mais famosas estão a costela de tambaqui na brasa, a caldeirada de tucunaré, clássicos locais, e o pirarucu de casaca, em que o peixe é servido entre camadas de farofa – de preferência, feita com a típica farinha ovinha.

  • Pirarucu: um dos maiores peixes de água doce do mundo. Pratos mais famosos – Cozido com leite de coco ou com açaí; Bolinhos; “De casaca” em postas ou desfiado, intercalado com farinha Uarini embebida em leite de coco e banana-pacovã;
  • Tambaqui: As espinhas são enooormes e grossas. Servem empanado, na brasa, “de banda” assado no forno ou grelha, na caldeirada, costela de tambaqui.
  • Tucunaré: caldeirada, filé, frito à milanesa;
  • Matrinxã: inteiro na brasa, ou assado em forno recheado com farinha e legumes;
  • Jaraqui: frito, segundo os manauaras – “quem come jaraqui, não sai daqui”;
  • Aruanã: filé frito ou empanado;
  • Piranha: Frita
Moqueca de Pirarucu

Prove a feita com tucupi e castanha do Pará no restaurante Banzeiro.

Costela de Tambaqui

Pra comer esse você pode ir no ‘Tambaqui de Banda’, que fica no Largo de São Sebastião (praça do Teatro), preços justos e bem servidos.

A comida regional é super variada e riquíssima em frutos e peixes. Não deixe de provar a maior variedade de peixes que puder, pois eles são completamente diferentes dos peixes de água salgada. Tucunaré assado, pirarucu de casaca e costela de tambaqui são os mais populares e com valores atrativos.

Sanduíche de Tucumã

É o tal ‘x-caboclinho’, um pão francês com lascas de tucumã, fruto de uma palmeira amazônica. Parece uma espécie de manteiga, mas com sabor totalmente diferente, as vezes vem com queijo coalho ou banana.

Onde comer: Waku Sese, Café Regional Joelza, Café Regional Priscila, Café Regional Tapiri e lanchonetes ao redor do Teatro Amazonas.

Voltar ao topo

Tapioca

No norte, quase não existe café da manhã sem tapioca. Diferente da do nordeste, vale provar.

Pimentas

Há vários tipos: murupi, pimentas-de-cheiro, embiriba, jiquitaia.

Voltar ao topo

Frutas típicas – Sucos e sorvetes

O Glacial é o buffet de sorvetes amazônicos mais tradicional de Manaus, fica no Largo São Sebastião.

No mesmo Largo tem a African House, que faz sucos naturais como cupuaçu, burití, tucumã, cajá (ou taperebá).

Frutos Nativos da Amazônia: Cupuaçu, cajá, acerola, jambo, manga, buriti, abiu, araçá-boi, bacaba, bacuri-de-espinho, bacuri-do-igapó, biribá, camu-camu, cubiu, gogó-de-guariba, guaraná, ingá-açú, ingá-cipó, jatobá, jenipapo, maracujá-do-mato, mari-mari, murici-amarelo, pajurá, pepino-do-mato, piquiá, pitomba, pupunha, puruí, sapota-do-solimões, sorvinha, taperebá, uxi, umari

Prove o bombom de cupuaçu 😉

Voltar ao topo

Açaí

O Açaí faz parte do dia a dia deles e é consumido tanto doce quanto salgado, com farinha, camarão seco ou peixe. Os mais doces você vão notar que acompanham farinha de tapioca e são adoçados com açúcar e não com guaraná, como estamos acostumados.

Guaraná

Esqueça o Antártica e o Kuat. Guaraná em Manaus é sinônimo de suco de água com xarope ou o pó feito da semente da frutinha, torrada e moída em processo similar ao do café. As marcas regionais mais conhecidas são Baré, Regente, Tuchaua e Real.

Onde beber: Casa do Guaraná Saterê, Ponto do Guaraná, Café Regional Joelza, Café Regional Priscila e nos bares e lanchonetes da cidade.


Voltar ao topo

Dicas de restaurantes

Banzeiro

Em todos os lugares que você procurar, vão falar desse restaurante que fica no bairro de Adrianópolis. É o maior restaurante regional de Manaus, já super descoberto por todos os turistas, mas não perde sua essência. O preço já é mais elevado quando comparado aos demais da cidade, consequência de sua fama, mas os pratos servem bem, o cardápio é variado e o serviço é bom.

Sugestão de Entrada: Formiga Saúva com espuma de Mandioquinha (Depois de provar, pergunte ao garçom porque ela tem o sabor que você sentiu), Pastel de pato, Arroz Negro com Bacalhau.

Sugestões de pratos: Pirarucu Amazônico, Costela de tambaqui, Pato no tucupi, Tambaqui com crosta de castanha, Camarão amazônico.

Sugestão de sobremesa: Petit gâteau de cupuaçu.

  • Tel: (92) 3234-1621
  • Site: link para o website
  • Faça reserva antes de ir.
  • Endereço: Rua Libertador, 102 – Nossa Senhora das Graças Manaus.
  • Funcionamento: O restaurante abre todos os dias, inclusive nos feriados.

Voltar ao topo

Tacacá da Gisela

Você verá a Gisela sendo citada em vários sites, super tradicional e estrategicamente posicionada próximo ao Teatro Amazonas. Ela prepara um dos melhores tacacás da cidade, que é servido em cuias a partir das 16h.

  • Endereço: Largo São Sebastião, s/n
  • Tel: (92) 3234-8856
  • Endereço: Praça São Sebastião, s/nº – centro – Manaus
  • Funcionamento: Todos os dias das 16h às 22h.
  • Facebook deles, clique aqui.

Voltar ao topo

Choupana

Mais um típico, com cobertura de palha e decoração rústica. A casa oferece como cortesia um caldinho de tucupi ou de peixe.

Sugestão de prato: tambaqui à choupana, risoto aos três peixes (tambaqui, pirarucu e tucunaré).

Voltar ao topo

Tambaqui de Banda

São várias lojas, uma no bairro Parque 10, perto do Parque do Mindu, outra ao lado do Teatro Amazonas no Centro. Sugestões: Caboco Enrolado, Bolinho de pirarucu, tacacá, costelas de tambaqui, suco de taperebá, torta de cupuaçú com chocolate.

  • Endereço Unidade Teatro Amazonas: R. José Clemente, 596 – Centro, Manaus
  • Endereço Unidade Banda Parque 10: Av. Tancredo Neves, 9 – Parque 10 de Novembro, Manaus
  • Site, clique aqui

Voltar ao topo

Zefinha Bistrô

Funciona com buffet no almoço de segunda a sábado, com feijoada no sábado e a la carte no jantar e domingos. Sugestão de pratos: Filé de tucunaré com purê de banana-pacovã e purê de açaí (imperdível), Pirarucu de Casaca.

Voltar ao topo

Peixaria Bom Gosto

Inaugurada em 1993 tem no cardápio peixes regionais como jaraqui e tambaqui, que atraem o público local e turistas. Sugestão de prato: peixe com caldo e creme de camarão.

  • Endereço: Av. Bispo Pedro Massa, 15 | Cidade Nova
  • Funcionamento: 10h – 22h

Voltar ao topo

Waku Sese

Há vários pela cidade. Serve pratos salgados, lanches e açaí mais parecido com o nosso.

Da Terra

Indicado pra quem quer comer tipicamente e com bons preços. Ambiente simples, sem luxo, mas com pratos excelentes. Sugerimos o tambaqui assado sem espinha e o pirarucu à milanesa.

Beth Balanço

O Beth Balanço é bem falado pelos visitantes. Seu prato mais famoso é o x-Picanha, mas apesar dos sanduíches serem os mais vendidos, eles também servem crepes e panquecas. Fica aberto até altas horas para os baladeiros.

Voltar ao topo

Café Regional da Joelza

Esse aqui é mais frequentado pelos locais. Serve comida típica, ambiente simples, rústico e já adianto que é longe, não vá à pé. Prove o bolo de macaxeira, banana frita, cuscuz com manteiga, pupunha, pé de moleque (não é igual ao que estamos acostumados), tapioca com tucumã e queijo, pamonha doce com castanha ou o tradicional x-caboquinho, feito com tucumã.

  • Endereço: Av. Torquato Tapajós, s/n
  • Tel: (92) 3654-5487

Voltar ao topo

Café Regional Priscila

Mais de 130 itens variados entre bebidas e quitutes. Os mais pedidos são os sucos como o de taperebá, goiaba e cupuaçu, além de tapiocas, como a recheada de castanha-da-amazônia ou de queijo de coalho com tucumã. Há também x-caboquinho (sanduíche de tucumã), pamonha com castanha e, para levar para casa, frascos de pimenta-murupi e outros.

  • Endereço: Av. Tancredo Neves, 220
  • Tel: (92) 9171-3776

Voltar ao topo

Mercado Municipal Adolfo Lisboa

Aqui você encontrará bons preços, variedade de temperos, peixes, frutas, bombom de cupuaçu e outros produtos de frutas locais.

  • Endereço: Rua dos Barés, 46 – Centro, Manaus
  • Funcionamento: 2ªF À 6ªF das 8h às 17h/ Sábado das 9h às 15h/ Fechado aos domingos

Voltar ao topo

Feira da Rua Eduardo Ribeiro

Perto do teatro Amazonas, com ofertas de lanches regionais, artesanato e frutas regionais.

Glacial Sorvetes

Será fácil achar uma Glacial. Elas estão espalhadas por vários lugares e é um prato cheio para os aventureiros do paladar. Aproveitem para experimentar sabores que não existem em outras partes do país.

Tortas & Tortas

Para sobremesa, vá de torta de cupuaçu com chocolate da Tortas & Tortas.

Voltar ao topo

African House

Fica no centro e é uma ótima sugestão pra provar sucos naturais como cupuaçu, burití, tucumã, cajá (ou taperebá).

Skina dos Sucos

Outra opção para sucos de frutas típicas, como acerola, cupuaçu e caju, são encontrados na casa, uma das mais badaladas da capital. Para os fãs do açaí, a iguaria é servida na tigela com guaraná, ovo, farinha de tapioca, castanha e mel.

  • Endereço: Av. Eduardo Ribeiro, 629
  • Tel: (92) 3233-1970

Voltar ao topo

Cachaçaria do Dedé & Emporio

Para provar uma cachaça ou drink local, vá à Cachaçaria do Dedé & Emporio, no Shopping Manaura ou no bairro Parque 10.

Voltar ao topo

O Chefão ou A Viúva

Se você busca balada, aqui pode ser seu destino. Inspirado no filme O Poderoso Chefão esse bar fica no centro de Manaus e tem como alternativa o A Viúva, uma champanheria de inspiração francesa. São do mesmo dono e ficam um em frente ao outro praticamente.

Calçada Alta

Outra opção de bar para o happy hour. Servem almoço durante o dia a bons preços. Fica pertinho do Teatro Amazonas.

  • Endereço: Rua Costa Azevedo, 102
  • Tel: (92) 3234-4081

Voltar ao topo

Bar do Armando

Com mesas na calçada e pertinho do Teatro Amazonas, o bar serve sanduíches bem temperados acompanhados por cerveja gelada. A casa costuma lotar à tardinha e à noite, quando começa o som – samba e MPB. Aqui o mais pedido é o Sanduíche de pernil.

  • Endereço: R. 10 de Julho, 593
  • Tel: (92) 3232-1195

Voltar ao topo

Sabe de algum outro lugar que não colocamos aqui? Escreve aí pra gente. Veja todos os outros posts de Manaus clicando aqui.

Deixe um comentário ou pergunta