Uruguai Roteiro Vinhos | Wine

Roteiro de 6 dias no Uruguai – Montevideo, Punta del Este, Colonia, Minas

Esse é um roteiro pra quem estará viajando para o Uruguai com calma e queira descansar e curtir as cidades sem correria. Se você quiser um roteiro pra menos dias, enxugue os dias de Montevideo em menos dias e faça com mais pressa.

Dia 1: Chegada e Montevidéu

Definitivamente a melhor forma de se deslocar no Uruguai é de carro pois facilitará muito a sua vida. Clique aqui pra comparar aluguel de carro pela RentCars, e aqui pra comparar pela RentalCars.

  • Café na Plaza del Entrevero, no La Pasiva.
  • Comece seu reconhecimento da cidade passando pelas Ramblas de carro.
  • Almoce no El Fogón (Atendimento Bom, Comida Boa).
  • Rode a pé a Ciudad Vieja ate o porto.
  • Passe por Palácio Salvo, Nos arredores da Plaza Independencia, um dos edifícios mais antigos do Uruguai, inaugurado em 1925. Já foi o maior da América do Sul.
  • Passe por Plaza Independencia, uma grande praça na divisa entre o centro de Montevidéu e a Ciudad Vieja. Antigamente havia uma muralha dividindo estas duas áreas e um pedaço dela ainda restou e está no local, a Puerta de la Ciudadela.
  • Passe pelo Mausoleo General Jose Artigas, no centro da praça, um monumento que guarda as cinzas do militar e que foi um herói nacional.
  • Ande até as Ramblas.
  • Pare na Plaza Constitución – Também conhecida com o Plaza Matriz. É a praça mais antiga da cidade e nela foi jurada a primeira Constituição, em 1812. É rodeada por alguns prédios públicos e pela Igreja Matriz
  • Pare pra uma cerveja na Chiviteria La Matriz e sorvete na própria praça.
  • Veja a Catedral Metropolitana de Montevidéu – inaugurada em 1804 e aberta para visitação. A igreja não é muito grande, mas tem algumas estátuas e detalhes bem interessantes.
  • Assista a Baixa da bandeira na praça do portal às 20:30.

Dia 2: Montevidéu

  • Caminhada pela Av. 18 de Julio, a principal rua de comércio popular da cidade.
  • Se estiver de casal, coloque um Cadeado na Fonte dos Cadeados – Possui uma lenda que diz que os casais apaixonados que prendem um cadeado ao redor da fonte, escrevendo as iniciais dos nomes, voltarão a visita-la juntos e que o seu amor será eterno.
  • Pare na Plaza de la Intendencia (Praça da prefeitura) e aproveite e vá ao quiosque de informações turísticas para pegar uns mapas que sempre ajudam.
  • 12h – Teatro Solís visita guiada – inaugurado no ano de 1856. A visita circula por todos os ambientes do teatro, desde a fachada do edifício até a platéia e, às vezes, há atores fazendo uma pequena encenação, interagindo com os visitantes. É administrado pela Prefeitura de Montevidéu. Ao longo dos anos, sua estrutura já sofreu diversas reformas e ampliações. Sua fachada principal tem um estilo neoclássico e é muito parecida com a do Teatro Carlo Felice, em Gênova, na Itália. Na parte mais alta há um pequeno farol, que fica aceso em noites de espetáculo. Ao contrário do que muitos pensam, o nome do teatro não tem nada a ver com o sol, mesmo havendo uma imagem parecida com ele na fachada principal acima das letras. O nome Solís é uma homenagem ao espanhol Juan Díaz de Solís, o primeiro navegador a explorar as águas do Rio da Plata.
  • Tome um Café dentro do Teatro Solís. Allegro Café.
  • Almoce no Mercado Municipal, no “La Chacra del Puerto”. Prove uma Parrilhada e tome Zillertal (Não deixe de provar a Morcilla)
  • Compre uns doces de leite no Mercado.
  • Se tiver com tempo sobrando, mas sobrando mesmo, visite ali pertinho o Museo del Carnaval– Funciona de terça à domingo, das 11h às 17h. Pequeno e pouco interessante.
  • Ande pela Av. 18 de Julio e passeie pelas lojinhas nas ruas, bata perna na cidade e curta um dia com calma em Montevideo.
  • Prove uns doces na doceria do centro, La Coruñesa, na Calle San Jose.
  • Vá ao Shopping Punta Carretas. O Shopping funciona onde era o antigo presídio.
  • Tome um Café no Oro Café do shopping.
  • Aproveite pra passar no mercado do shopping, Disco, e comprar água, lanchinhos e o que achar diferente e curioso.

Dia 3: Punta del Este

Vá de carro e coloque no Waze: Punta del Este – não tem errada.

  • Pare no Centro de Informações Turísticas de Punta e pegue alguns mapas e dicas.
  • Visite à Casapueblo já na ida, se não, pode fechar na volta. Uma das construções mais emblemáticas do país, construída pelo artista uruguaio Carlos Paez Vilaró. A casa é uma mistura de hotel, restaurante, museu e galeria de arte, onde estão expostas dezenas de obras do artista que a criou.
  • Pare em um Quiosque na praia e tome uma cerveja ou suco pra observar o movimento.
  • Dirija por toda a orla da Playa Brava (costa atlântica) até o início do distrito de La Barra, para conhecer a Puente Leonel Vieira, duas pontes gêmeas com pista num formato ondulado.
  • Passe pelos Bairros de Luxo (San Rafael, Beverly Hills & The Golf).
  • Pare no centro
  • Almoce no Don Peperone da rua principal, Av. Gorlero, possuem uma Pizza, Salada e Chivitos Canadenses Bons.
  • Pegue um sorvete de bolinha no Deli Drops e vá andando até a próxima parada. Não é gostooooso, mas curioso.
  • Ande até o farol.
  • Entre na Iglesia Candelaria.
  • Passe pelo Porto e procure por lobos marinhos.
  • Se tiver sede, pare na sorveteria próxima ao Porto e tome uma água pra descansar as pernas.
  • Passe pelas Lojinhas.
  • Pegue o carro novamente e pare perto do Monumento dos Dedos, Monumento al Ahogado, na Playa Brava.
  • Suba no Mirador La Vista e assista um lindo por do sol – um mirante giratório localizado junto a um restaurante, no último andar do edifício Torreon. Infelizmente ele fica fechado durante o inverno.
  • Entre em um Cassino, pode ser o Casino Nogaro, pequeno e perto do mirante.
  • Pegue o carro de novo e pare no Mirador de Punta Ballena, um mirante com vista panorâmica que permite visualizar ao fundo a cidade de Punta del Este e várias praias da região.
  • Volte a Montevideo.

Dia 4: Vinícola e Montevidéu

Mais uma vez, um carro aqui vai ajudar bastante.

  • Vá ao Vinhedo Bodega Bouza e faça a visita guiada e degustação de vinhos – Uma das maiores vinícolas do Uruguai. A visita guiada tem uma duração aproximada de 1:30h. No final, acontece uma degustação de cinco tipos de vinhos no restaurante da vinícola, que pode ser uma boa opção para o almoço neste dia. É aconselhável agendar este passeio com antecedência.
  • Passe pelo Estadio Centenario e tente entrar, se não tiver jogo, conheça o Museu do Futebol. “Montevidéu – O Museu do Futebol e o Estádio Centenário”.
  • 15h – Visita guiada Palácio Legislativo, edifício sede do Senado Uruguaio e da Câmara dos Deputados. O tour, em português, começa às 15:00h e circula por diversos ambientes do do Palácio. A entrada para visitantes é pela parte de trás do edifício, que está virada de frente para a Av. General Flores. Estacione bem ao lado do Palácio, com facilidade. A visita guiada de segunda a sexta em dois horários, às 10:30h e às 15:00h. Não é necessário fazer reserva com antecedência, basta apenas chegar alguns minutos antes para dar tempo de comprar o ingresso. Logo na entrada, junto ao detector de metais, há uma mesa de informações onde a atendente informa o local correto para a compra do bilhete. A guia da visita é uma funcionária antiga do Palácio, que conhece tudo nos mínimos detalhes. Muito lindo! Vale muito a pena.
  • Vá ao Mirador de la Intendencia de Montevideo, um mirante localizado no último andar do edifício da Prefeitura, com uma bela vista panorâmica da cidade. O acesso ao mirante é gratuito, mas antes é preciso pegar um ticket no posto de informações turísticas localizado bem em frente ao prédio da prefeitura. Entre no hall principal do edifício, caminhe até o fundo e desça uma escada para o sub-solo, onde está a entrada do elevador panorâmico que leva direto ao 22º andar. O horário de visitação é de segunda à sexta, das 10:30h às 15:30h.
  • Vá à Fortaleza del Cerro (vale a pena).
  • Visite o Museu de Armas na Fortaleza.
  • Já voltando pra Montevideo, faça um Passeio pelas Ramblas à pé – que são as avenidas ao longo da orla, à beira-mar. Vale a pena dirigir da Rambla da Ciudad Vieja até a Rambla de Carrasco, fazendo paradas pelo caminho para curtir o visual. São as avenidas litorâneas da capital uruguaia, com mais de 20 km de extensão às margens do Rio de la Plata. O termo “rambla” se refere a todas as vias à beira-mar na costa do Uruguai. Cada rambla possui uma demoninação própria, mas no geral elas são conhecidas pelo nome do bairro que se encontram, como Rambla de Pocitos, por exemplo. Em conjunto, elas são chamadas simplesmente de Ramblas.
  • Almoço no El Viejo Y El Mar, em Punta Carretas – Coma um Ojo de Bife.
  • Suba no Faro de Punta Carretas.
  • Vá até o Parque Rodó e passeie à pé – um grande parque urbano localizado no bairro Punta Carretas, próximo às Ramblas, um dos maiores e mais antigos parques urbanos de Montevidéu, com uma área de 85 hectares no bairro Punta Carretas, perto do centro da cidade. Seu nome é uma homenagem a um importante escritor uruguaio, José Enrique Rodó. Considerado uma das principais áreas de lazer da cidade, o parque possui uma grande área verde com vários monumentos, estátuas e fontes, além de um pequeno lago.  Na sua área e nos arredores há diversas atrações de lazer e entretenimento, como um parque de diversões, um castelo, um anfiteatro, um campo de futebol, um campo de golfe, um complexo de bares e restaurantes e o Casino Municipal. Nas manhãs de domingo, uma feirinha de artesanato acontece na Julio Herrera y Reissig, na região central do parque.
  • Você pode ir no Casino Municipal, em Punta Carretas.
  • Uma opção de jantar é o Restaurante Del Solís – Pizza (boa, bonita e barata) e Paulaner pra acompanhar – Rua em frente ao teatro.

Dia 5: Colonia del Sacramento

A única cidade do país que foi fundada pelos portugueses. O caminho feito pela Ruta 1 demora uns 2h15, sendo 30 minutos só para sair da área urbana e depois mais 1h45 na rodovia. No caminho há dois peajes (pedágios), tanto na ida quanto na volta que não passam de R$10 cada. A estrada é duplicada na maior parte do trajeto e com asfalto de boa qualidade, sem buracos. A velocidade máxima permitida varia entre 90 e 100 km/h.

  • Passe pelo caminho das palmeiras, na Ruta 1.
  • Pare no Mirante do Río.
  • Pare o carro e ande pelas ruas.
  • Suba no Farol. Faro de Colonia del Sacramento.
  • Pare no Café Fredo na Plaza Mayor e refresque-se.
  • Vá ao Centro de informações turísticas e pegue alguns mapas.
  • Visite as Ruínas e o Portón de Campo.
  • Passe pela famosa Calle de los Suspiros.
  • Passe nas Lojinhas.
  • Almoçe no Casa Grande e torça pra ter uma música ao vivo tradicional, sempre maravilhosa.
  • Rode de carro pela orla, Plaza de Toros e outros pontos turísticos da cidade.
  • Alugue um carro de golf por 1h e rode pela cidade livremente. (Nos arrependemos de não ter alugado para o dia todo – é super divertido e prático)
  • Vá à Muelle Viejo.
  • Prove uma Cerveja Patricia no restaurante El Torreon.
  • Volte pra Montevideo.
  • Jante uma pizza no Don Peperone perto do Teatro Solís, na Ciudad Vieja.

Dia 6: Minas (Lavalleja)

   

Esse é um dia que pode ser dispensável caso você queira mais um dia em algum outro lugar ou não queira conhecer Minas.

  • Pare na Fabrica da Água Salus, Parque Salus – Visita à Fonte do Puma.
  • Pare no centro de informações e pegue mapas e dicas.
  • Pare na Plaza Liberdad, no centro.
  • Catedral de Minas.
  • Passe em frente a Casa de Cultura Eduardo Fabini.
  • Tire foto na casa do Loco Abreu – Nativo de Minas e um ídolo da torcida Botafoguense \o/ hahaha
  • Almoce no Ki-joia na Plaza Liberdad. (Muito bom)
  • Cerro Artigas. Maior estátua equestre do mundo.
  • Zoológico do Parque Rodó.
  • Cerro Arequita (Paisagem interessante) e Laguna de los Cuervos. (não tem muita coisa interessante)
  • Fábrica de alfajores Villa Serrana – Compre Alfajor da marca Minas o melhor que já provei na vida!
  • Volte à Montevideo.
  • Coma um Chivito na La Matriz na Plaza Matriz (Muito bom)
  • Casino na Ciudad Vieja. 

Você pode encaixar no seu roteiro também:

  • Museo Histórico Nacional – MVD.
  • Museo de Arte Precolombino e Indigena (MAPI) – MVD.

Dicas Extras

:: Dirigir: Nos horários de pico em Montevideo, as ruas tem o maior movimento, porém nos horários normais é muito tranquilo. As principais avenidas são largas, com duas ou três faixas. A região central da cidade é pequena e o deslocamento entre as atrações é rápido. A sinalização poderia ser um pouco melhor. Os semáforos são baixos e ficam em postes nas esquinas, às vezes era difícil enxerga-los. Nos cruzamentos sem sinal, geralmente há uma placa indicando ceda el Paso (dê a preferência).

:: Estacionar: Estacionar na Ciudad Vieja é um pouco complicado, porque como há muitos prédios do governo na região, várias vagas de estacionamento são reservadas para os carros oficiais. É preciso ficar atento às placas próximas às vagas. Aquelas com a placa “Reservado”, não se pode estacionar. Já as que possuem a placa “Tarifado”, é permitido. Nessas vagas tarifadas, há uma cobrança durante o horário comercial, das 9h às 18h. O bilhete precisa ser comprado em pequenos quiosques que vendem doces e bebidas, chamados localmente de “kiosco”.

:: Pedestres: Há dois tipos de faixa de pedestres, uma igual à nossa e outra apenas com duas linhas delimitando a área onde se pode atravessar. Pelo que eu entendi funciona assim: nas faixas iguais às do Brasil, o pedestre tem a preferência e os carros devem parar; já nas outras faixas, a preferência é do veículo e o pedestre deve esperar. Algumas placas trazem a frase Atención Peatones (Atenção, Pedestres).

   

IngridBello

Olá! Meu nome é Ingrid e sou apaixonada por viagens! O 5Cantos é um projeto de realização pessoal, não vivo dele. Sou engenheira e trabalho como todo mundo, mas nas madrugadas escrevo umas dicas aqui. Quero ajudar pessoas normais, como eu, a viajar sempre mais, otimizando o tempo e dinheiro. Viajar é possível, cola comigo!

Sua opinião é muito importante - Deixe uma resposta


 Hotéis: Reserve online com o Booking :: Reserve com Hotéis.com :: Clique aqui pra receber R$40 de bônus após a sua próxima reserva pelo Booking, clique e salve pra depois. :: Clique aqui pra ganhar um cupom de R$130 no Airbnb para sua primeira aventura :: Nas próximas férias, alugue uma casa no Alugue Temporada
 Câmbio: Melhor cotação do Rio de Janeiro, compra online simplificada. Use cupom de desconto '5cantos' na DG Cambio
 Ingresso antecipado: Fuja das filas e não perca tempo comprando seus ingressos antecipadamente pela Tiqets
 Transporte: Compare valor de aluguel de carro em todas as agências ao mesmo tempo pela RentalCars ou clicando aqui pela RentCars :: Cupom de desconto de R$10 para sua primeira viagem de Uber :: Cupom de desconto de R$15 na primeira viagem de Cabify
 Passagens aéreas: Submarino Viagens - A melhor comparadora online :: Latam Airlines com desconto