Portugal: Dicionário Português x Português (PT x BR)

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on email
Share on telegram
Share on twitter
Share on pinterest
Veja o índice desse artigo

Portugal: Dicionário Português x Português (PT x BR)

Se você até agora não sabia, nós estamos informando, Brasileiros não falam o mesmo português que Portugueses.

Para portugueses, nós falamos brasileiro e ponto. Quando meu marido morou em Portugal pela primeira vez, ele descobriu de uma forma completamente hilária que descarga não possui o mesmo nome lá – imagina!

Isso sem mencionar a total literalidade de comunicação deles, que muito difere de nós, mas isso é assunto pra outro post.

Para evitar confusões e mal entendidos, você pode achar útil conhecer previamente algumas expressões e significados de palavras que são diferentes entre os países.

Sugiro que ouçam esse samba aí embaixo do grupo “Samba sem Fronteiras”, que ilustra um pouco as dificuldades que os brasileiros tem quando chegam em Portugal e você vai reparar que há um pouco de dificuldade no entendimento.

Nós conseguimos listar mais de 500 palavras com significado distinto, mas trouxemos aqui as que mais podem aparecer durante sua viagem.

Chega de ‘conversa de treta’ e vamos à elas:

Palavras e nomenclaturas: Dicionário Português de Portugal

  • QB = Uma abreviação deles pra ‘Quanto Baste’, o nosso famoso ‘à gosto’ para receitas e afins. Vão de perguntar em alguns lugares: Pimenta QB? Bem, é isso, e é claro que isso é bem relativo e no fim, não diz muita coisa. Rs
  • Estou ou Tou = Alô – Para atender telefonemas
  • Rés de chão = Andar térreo
  • Ao pé do talho = Perto do açougue – Ao pé é usado pra perto, talho é o açougue.
  • Bexinho, xeis, xinco, Beixinho grande… = Eles falam mais chiado que o carioca e adoram um diminutivo também.
  • Seis = Seis é Xeis e nem tentem dizer “meia”, no sentido de meia dúzia, pois eles não entendem e quando deduzem, acham que é cinco (meia dezena).
  • Brutal = Bacana, maneiro
  • Bife = Bitoque
  • É bonito, é legal = É fixe, é giro
  • Caminhe no Passeio = Caminhe na calçada
  • Boleia = Carona
  • Casa de banho = banheiro
  • Telemóvel = Celular (telefone)
  • Baixa = Centro (da cidade), uma traduçao de Downtown
  • Ceroula = Calça
  • À borla (informal), De borla (informal) = De graça
  • Autoclismo = Descarga – é como eles chamam a descarga do vaso sanitário. Descobrimos sem querer numa situação inusitadíssima (como todas as situações que envolvem descargas sanitárias em um assunto)
  • Gasóleo = Diesel
  • Durex = Falem fita adesiva! Durex lá é outra coisa (marca de camisinha)… Rs. Também não se deve usar “torpedo”, mas SMS, pelos mesmos motivos pornográficos. Rs.
  • Fooogo = Foda, ou várias outros sentidos dependendo da entonação
  • Ascensor = Elevador
  • Algures = Em algum lugar
  • Nenhures = Em nenhum lugar
  • Pão ralado = Farinha de rosca
  • Bicha = Fila (informal)
  • Fino = é o Chope do Norte, um maior é ‘Príncipe’ – e não vou ensinar como fala no sul porque quero vcs falando como Portuenses por Portugal inteiro! Haha. Usa-se também o “Vamos aos copos”. Sem contar que para os mais tradicionais “mão direita é penalty” (Havia uma tradição de só beber com a canhota, mas que vem desaparecendo)
  • Auricular, Auscultador = Fone de ouvido
  • Gajo = Cara, homem. O mesmo pra Gaja.
  • Malta = Galera (informal)
  • Giro = Bonito
  • Sítio = Lugar
  • Mais pequeno = Eles usam o tempo todo no sentido de “menor”. Juram de pé junto que tá certo, mas se você falar “mais grande”, eles te corrigem pra “maior”.
  • Tosta mista = Misto quente
  •  Autocarro = Ônibus / Comboio = Trem / Métro = Metrô / Telemóvel = Celular – Eles sabem muito bem o que é ônibus, trem, metrô e celular, mas se você disser, muitos fingem que não entenderam.
  • Paneleiro ou Fagot = Gay
  • Portagem = Pedágio
  • Fiambre = Presunto
  • Pequeno almoço = é no nosso “café da manhã”. Essa eu acho bonitinha.
  • Percebi = Entendi
  • Porras = Nosso Churros
  • Porreiro = Muito legal
  • Porta-te bem! cala-te! = Português é fã de ênclise. Os pronomes vêm sempre onde não se espera. Inclusive na língua falada. Rs. Também acho bonitinho.
  • Propina = Lá se pode pagar propina, e não é ofensa. Eles usam com o sentido de mensalidade ou outro tipo de taxa.
  • Puto, miúdos = Meninos, crianças
  • Sapatilha = Tênis

Expressões

  • Dar em águas de bacalhau = Dar em nada
  • Se calhar… = De repente…
  • Está todo cego = todo bêbedo – Contribuição de João Matias
  • Apanhei uma cabra = apanhei uma bebedeira – Contribuição de João Matias
  • Bué ou Totil = muito – Contribuição de Juju Avellar
  • Continuação = Usam no final das frases, como uma leve despedida. Uma contração de ‘Continuação de um bom dia’, ‘Continuação de uma boa refeição’ e por aí vai. Mas falam só o continuação.
  • Sempre vou lá amanhã = O sempre deles tem um significado completamente distinto do nosso. É quase uma confirmação. Confesso que não compreendi completamente seu uso, mas é curioso.
  • Pá a 8 anos.. = Mais no norte, é como começam várias frases, com o “Pá”.
  • Ir aos copos (informal) = Ir a um bar tomar bebidas
  • Está láTá-se bemPronto = significam simplesmente OK. Parece bobeira, mas tem hora que soa como uma pergunta ou que está faltando algo.
  • Dez menos quinze = Ou simplesmente 9:45h. Rsrsrs. Mas aqui fala-se assim.
  • Moça/ Moço = significa pessoa que faz trabalho sujo e/ou baixa instrução.
  • Bico = Nunca diga que faz um bico, porque aqui é sexo oral. Fazer um biscate é fazer um bico (em brasileiro mesmo).
  • Se mandarem você “Pegar aquela bicha, pra tomar uma pica no cú e depois comer uma porra recheada”, fique tranquilo… é só pegar a fila pra tomar uma injeção e depois comer um churros.
  • Lembre-se, não deixe ninguém gozar com a sua cara (te zoar).
  • Não deixe de provar um delicioso tira-gosto: uma rica porção de bacalhau, cru e desfiado. Não assuste se o empregado de mesa (garçom para nós) gritar bem alto: “Uma punheta para a mesa oito!

Esperamos que saber disso previamente evite constrangimentos durante sua viagem. Temos outros posts contanto historias engraçadas que só poderiam acontecer em Portugal.

Se souber de mais alguma, comenta aí.

Sobre mim

Olá, meu nome é Ingrid.
Sou Engenheira, Foodie e Escritora de viagem :)

Tenho uma curiosidade infinita pelas diferentes formas de viver, culturas, tradições e sabores.

Já passei por mais de 30 países e hoje sou nômade digital, trabalho de qualquer lugar do mundo, mas escolhi o Porto como lar.

Conecta-te comigo
Planeje sua Viagem
Descubra os buscadores que usamos para pagar mais barato e viajar mais
Grátis

Autor desse artigo:

Compartilhe esse artigo com seus amigos
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on email
Share on telegram
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest

4 comentários em “Portugal: Dicionário Português x Português (PT x BR)”

Deixe um comentário

Translate »