Nova Orleans Food

New Orleans: Comidas típicas – O que comer e beber

[su_wiloke_sc_company_website target=”_blank”]

New Orleans é o berço da cozinha cajun e crioula, que é rica em frutos do mar e sempre bem spicy. Você vai ouvir muito sobre Cajun e Criola, mas deixa eu explicar antes, pois são conceitualmente diferentes.

Apesar de muitos pratos da culinária Cajun e Crioula serem semelhantes, o modo de preparo se difere na sofisticação. Você verá muitos dos pratos que listamos a seguir, e aconselhamos a levar essa listinha pra ir dando check conforme for conseguindo provar de tudo.

Cajun: são os descendentes dos acadianos expulsos do Canadá e que se fixaram na Luisiana. Uma culinária mais delicada e refinada.

X

Crioula: Conceitualmente refere-se ao escravo negro nascido nas Américas, mas na tratando-se de gastronomia na Lousiana, serve pra indicar essa influência misturada dos colonos ‘franceses’ (Cajun), com as tradições culinárias africana, caribenha e espanhola. Uma culinária mais rústica. Então basicamente o Cajun está contido na culinária Crioula.

:: Veja aqui a nossa lista definitiva de todos os restaurantes imperdíveis em Nola

Uma ultima recomendação aqui: esqueça a idéia de fast-food que é padrão nos EUA, por aqui o que você menos vai encontrar são as grandes redes de restaurantes, você vai encontrar comida de verdade, autêntica e variada.

:: Curiosidade: Lousiana tem esse nome em homenagem ao rei frances Luis XVI.

:: Curiosidade 2: 1/3 dos frutos do mar consumido nos EUA é pescado na Lousiania.

Comidas típicas

:: Pimenta: Ok, não é prato, mas quero te preparar. Há bastante pimenta mesmo, prove dos molhos à base de pimenta, tem uns divinos, traga uns pra casa também.


:: Frango Frito: não volte sem comer pelo menos em um lugar. Nesse post aqui nós recomendamos o Chubbies e o Lil Dizzy.


:: Feijão vermelho: Super tradicional, eles comem junto com qualquer coisa.


:: Po-Boy: Sanduíche tradicional da Louisiana. É quase sempre composto de carne, que geralmente é carne assada ou frutos do mar fritos, lagostins, peixe, ostras, caranguejo, mas o mais famoso é camarão ou ostras à milanesa. A carne é servida em baguette, como o pão francês de Nova Orleans, conhecido por sua crosta crocante e seu centro fofo. Levam alface americano, tomate, picles e maionese.

Curiosidade: A origem do nome possui uma história curiosa e triste. No final dos anos 1800, sanduíches de ostra fritos em pães franceses eram conhecidos em New Orleans e San Francisco como ‘oyster loaves’ (pães de ostra), um termo ainda em uso no século XXI. Um sanduíche contendo camarão frito e ostras fritas é muitas vezes chamado de “peacemaker” (pacificador) ou “La Mediatrice” (Mediadora). A história mais comum sobre a origem do termo “po’boy” é que em 1929, durante uma greve de quatro meses contra a companhia de bonde, os irmãos Martin (Ex condutores de bonde e na época donos de restaurante) serviram aos seus ex-colegas sanduíches grátis. Os trabalhadores dos restaurantes de Martins, em brincadeira, se referiam aos grevistas como “poor boys” (meninos pobres), e logo os próprios sanduíches assumiram o nome, que no dialeto da Louisiana, ‘poor’ é naturalmente encurtado para “po”.


:: Muffaletta: Um sanduiche tipicamente siciliano em Pão Italiano redondo, recheado com fatias de Queijo Provolone, Salame, Presunto e molho Olive Salad, que é feito de Azeitonas, Pimentões, Aipo, Alho, Cebola, Alcaparras, Orégano, Azeite de Oliva Extravirgem, Vinagre de vinho tinto, Sal e Pimenta. Nós provamos, confesso que não chega aos pés de um Po-Boy, mas é bem gostoso e por ser típico, merece ser provado. O mais famoso é vendido na Central Grocery, que é como uma vendinha de comida que funciona desde 1906. Nos horários de refeição é sempre cheio, mas se você for pela manha ou pela tarde, será mais tranquilo. Só cuidado com o tamanho, duas pessoas comem meia, se for pedir inteira saiba que vai durar pelo menos 2 refeições.


   

:: Jambalaya: Lembra uma Paella, mas com bastante tempero. É bem típico da culinária Cajun.


:: Gumbo: Um ensopado ou guisado de carne e mariscos, vem com arroz branco. É um prato daqueles que esquenta, e apesar do calor em alguns meses de Nola, é vendido durante todo o ano.


:: Tomates verdes fritos: Lembro logo do filme quando penso nisso e penso o porque isso não é mais comum pelo mundo. É bem gostoso mesmo e você verá sendo vendido em vários lugares, principalmente nos que oferecem Brunch.


:: Crawfish Étouffée: Similar ao gumbo, mas preparado apenas com crawfish (camarão de água doce).


:: Red Beans and Rice: O nosso clássico arroz e feijão, mas o feijão é diferente ao nosso, se assemelha mais à preparação mexicana, em que o feijão é mais pastoso. O feijão é típico das segundas-feiras, é tradição. Segundo eles, segunda é o dia de lavar roupas, então basta colocar o fogão na panela e esquecer eles lá, então se tornou uma tradição de Nola comer feijão às segundas.


:: Praline: Doce tradicional da culinária cajun, é uma espécie de cookie preparada à base de açúcar, chocolate e nozes. O açúcar as vezes é substituído por um xarope (syrup).


:: Camarão e SeaFood: Aproveite pra comer camarão baratinho nos Fast-Food’s, aqui eles não são redes, são únicos, mas seguem a idéia da comida rápida e o valor vale muito a pena. Prove a Lagosta, o ‘Camarão Creole’, e as ‘Ostras Rockefeller’. Ostras são fartas, é bem normal sentar em um bar e assistir os funcionários abrindo umas.


:: Eggs Cochon: Não sei bem se esse chega a ser um prato típico, mas vi vendendo em mais de um lugar na cidade e nunca mais achei em lugar nenhum do mundo. É tão bom que vale entrar nessa lista. O melhor que provamos foi no Ruby Slliper e tá na nossa lista de restaurantes imperdíveis em NOLA.


:: Linguiça Boudin: Feita com sangue e gordura de porco (“boudin noir”), ou com carne “branca” e magra (porco, aves, vitela ou caça), ovos, leite, nata e miolo de pão (“boudin blanc”).


:: Beignets: Me lembrou um bolinho de chuva, mas meio sem gosto (rs) e mais leve. Não é o que você vai comer de mais gostoso pela cidade, mas é tão tradicional e turístico que pelo menos uma vex você tem que comer. É vendido no Café du Monde (24 horas).


:: Jacaré: Você verá muita oferta por todos os lugares e de várias formas, embutidos, enlatados, milanesa, fritos, assados… Se nunca provou, é um bom lugar pra tentar. Nós achamos um pouco durinha mas é saborosa. Experimente e volte pra contar.


Bebidas

:: Hurricane: Experimente os muitos drinks da cidade e principalmente o Hurricane, o mais famoso de todos, é vendido a cada metro na Bourbon. Uma bebida doce feita com rum, suco de frutas e xarope ou granadina. É uma das muitas bebidas populares servidas em Nova Orleans. A criação desta bebida é creditada ao dono da taberna de Nova Orleães, Pat O’Brien.

:: Mint Julep: Também é famoso por lá, bem vendido nas plantations, mas confesso que não gostei não hahaha (Vc vai ver pela minha cara aí em baixo). Ela é um coquetel, composto principalmente de bourbon, água, gelo triturado ou raspado e menta fresca. Como um coquetel à base de bourbon, está associado com o sul americano e a gastronomia do sul dos Estados Unidos em geral, e o Kentucky Derby em particular.

:: Drinks: Experimente os Bloody Marry, são bem pitorescos por lá (Vide da foto lá em cima). A cidade inteira possui uma tradição de drinks, então você verá drinks exclusivos nos bares e os famosos tradicionais também. Sugerimos experimentar os de assinatura da casa. 

:: Ice Tea: Os chás são feitos nos restaurantes mesmo, não é o enlatado. Vale trocar os refrigerantes pela refrescancia de um típico chá gelado sulista. 

:: Cervejas: Fora os drinks, sugerimos conhecer as muitas cervejarias artesanais, fizemos uma lista com as imperdíveis pela região aqui nesse post (Clique aqui). Eles possuem uma forte cultura de fabricação de artesanais por lá, então se você aprecia, não perca a oportunidade de conhecer todas.

   

Ingrid5Cantos

Olá! Meu nome é Ingrid e sou apaixonada por viagens! O 5Cantos é um projeto de realização pessoal, não vivemos dele. Sou engenheira e trabalho como todo mundo, mas nas madrugadas escrevo umas dicas aqui. Queremos ajudar pessoas normais, como nós, a viajar sempre mais, otimizando o tempo e dinheiro. Viajar é possível, cola comigo!

LEAVE A COMMENT


 Hotéis: Reserve online com o Booking :: Reserve com Hotéis.com :: Clique aqui pra receber R$40 de bônus após a sua próxima reserva pelo Booking, clique e salve pra depois. :: Clique aqui pra ganhar um cupom de R$130 no Airbnb para sua primeira aventura :: Nas próximas férias, alugue uma casa no Alugue Temporada
 Câmbio: Melhor cotação do Rio de Janeiro, compra online simplificada. Use cupom de desconto '5cantos' na DG Cambio
 Ingresso antecipado: Fuja das filas e não perca tempo comprando seus ingressos antecipadamente pela Tiqets
 Transporte: Compare valor de aluguel de carro em todas as agências ao mesmo tempo pela RentalCars ou clicando aqui pela RentCars :: Cupom de desconto de R$10 para sua primeira viagem de Uber :: Cupom de desconto de R$15 na primeira viagem de Cabify
 Passagens aéreas: Submarino Viagens - A melhor comparadora online :: Latam Airlines com desconto