Krabi: O que fazer – em parceria com @naTripdaJu

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on email
Share on telegram
Share on twitter
Share on pinterest

Veja o índice desse artigo

A Ju foi pra Tailândia em dezembro de 2016 e produziu um material bem bacana que pode ajuda-los no planejamento da sua viagem. Dividi os posts por locais e esse aqui ficou com Krabi, mas você pode ver o geral clicando aqui. Vamos direto ao que interessa, já pelas palavras da Ju:


Antes de ir para Tailândia li e pesquisei muitooo! E todos os blogs legais não recomendam ficar em Phuket, por ser um lugar menos charmoso, ter muita prostituição, etc. Então escolhemos ficar em Krabi.
Na época que fomos era final de ano então todos os hotéis forçavam ficar 7 noites. Tive muita dificuldade de encontrar hotel que não tivesse essa regra, então tivemos que ficar num hotel muito bom, mas muuuuito caro e desnecessário pois você só quer curtir as praias e ilhas maravilhosas e não ficar no hotel, por mais confortável que seja.
Ficamos no Sofitel Krabi Phokeetra Resort Spa. Mas a minha escolha e minha dica seria ficar em Railay Beach que falo mais abaixo.

Foto da galeria desta acomodação
Piscina do hotel Sofitel Krabi Phokeetra Resort Spa

Você pode tranquilamente fechar passeios na praia em frente ao seu hotel com os Long Tail Boat ou Speedy Boat. Eles ficam na beira do mar e na praia esperando para negociar.
Negociar sempre e perguntar tudo que está incluído (normalmente tem refrigerantes, água, frutas, máscara e pé-de-pato para snorkel).
Fomos no primeiro dia 4 Islands (Chicken, Poda, Tup) e Railey Beach. Custou 3300bht, (aprox R$ 330,). Railay é demais! Lá só se chega de barco, apesar de ser continente. Se der para se hospedar lá uns 2 dias, será ótimo. Vale muito! Tem vila com bares, restaurantes, lojinhas… Parece meio cidade de interior na praia, sabe? Restaurantes na beira da areia e um visual incrível. Astral bom demais!
Tem  uma Caverna lá. Visitamos mas “it is ok”, nada demais mas já q estávamos lá …
À noite  alugamos motinho na rua do hotel até a cidade de Ao Nang jantar. Uma loucura da nossa parte, pois andamos pela estrada escura à noite. Mas foi, e deu tudo certo!
Ao Nang é bem turistão, não vale! Sem charme e muito restaurante com aquela galera na porta te falando para entrar. Eu odeio! De lá também tem táxi para Railay que custa 100baht por pessoa ida e 100bht volta.
Ah! Antes que eu esqueça! É super barato lavar roupa na Tailândia 70baht (R$7) por quilo e ainda passado! E tem em qualquer esquina. Tipo a massagem que tem em todo canto!


Qualquer dúvida, eu ou a Ju estamos dispostos a ajudar. Comenta aí ou mande um direct pelo instagram @cincocantos ou @natripdaju.
Beijos e até a próxima decolagem!

Sobre mim

Olá, meu nome é Ingrid.
Sou Engenheira, Foodie e Escritora de viagem :)

Tenho uma curiosidade infinita pelas diferentes formas de viver, culturas, tradições e sabores.

Já passei por mais de 30 países e hoje sou nômade digital, trabalho de qualquer lugar do mundo, mas escolhi o Porto como lar.

Conecta-te comigo
Planeje sua Viagem
Descubra os buscadores que usamos para pagar mais barato e viajar mais
Grátis

Autor desse artigo:

Compartilhe esse artigo com seus amigos
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on email
Share on telegram
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest

Deixe um comentário

Que tal um 'até logo'?
Receba nossas dicas por email