As 5 atrações imperdíveis em Belém, Portugal

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on email
Share on telegram
Share on twitter
Share on pinterest
Veja o índice desse artigo

As 5 atrações imperdíveis em Belém, Portugal


Belém oferece uma imersão cultural total, com lugares que são Patrimônio Mundial da UNESCO e toneladas de museus.

Aqui está uma lista de 5 lugares que não podem faltar no seu roteiro em Belém.

1. Antiga Confeitaria de Belém

Minha primeira parada sempre que chego em Belém.

Aqui é o único lugar onde pode-se chamar o pastel de Belém (nos outros lugares é apenas pastel de nata), um pecado de creme com canela produzido a partir de uma receita monástica ferozmente guardada que data de 1837.

Não espere nas filas gigantescas, entre pelo arco e vá caminhando pelas infinitas salas até encontrar uma mesa vazia ou o jardim dos fundos.

2. Padrão dos descobrimentos

O Padrão dos Descobrimentos foi erguido pela primeira vez em 1940, para ser integrado na Exposição do Mundo Português. Na altura foi construído em materiais perecíveis, e apenas em 1960, por ocasião da comemoração dos 500 anos da morte do Infante D. Henrique, que o Padrão é reconstruído em betão.

Em 1985 foi inaugurado como Centro Cultural das Descobertas, e recebeu uma reforma interior com direito a miradouro, auditório e salas de exposições.

Isolado e destacado à beira do Tejo, o Padrão dos Descobrimentos nos faz lembrar da expansão ultramarina portuguesa, o passado glorioso e a grandeza da obra do Infante D. Henrique, o impulsionador das descobertas.

A Obra representa uma caravela estilizada, levando na proa o Infante D. Henrique e alguns dos protagonistas como navegadores, cartógrafos, guerreiros, colonizadores, evangelizadores, cronistas e artistas, que são retratados com os símbolos que os individualizam.

Fonte: Site Oficial Padrão dos descobrimentos

3. Rosa dos Ventos

A República da África do Sul ofereceu, para decoração do terreiro de acesso ao Padrão, uma Rosa-dos-Ventos com 50 metros de diâmetro, executada em cantaria de calcário liós, negro e vermelho, contendo um planisfério de 14 metros.

Naus e caravelas embutidas marcam as principais rotas da Expansão Portuguesa. A autoria do desenho pertence ao arquitecto Cristino da Silva (1896-1976).

Essa é a cronologia da expansão portuguesa que se encontra na Rosa-dos-ventos. – Em itálico estão os nomes e datas de que hoje os historiadores têm dúvidas.

  • 1418 Madeira – 1427 Açores – 1434 Cabo Bojador – 1444 Cabo Verde
  • 1460 Guiné – 1471 Mina – 1475 S. Tomé e Príncipe – 1483 Congo
  • 1483 Angola – 1488 Cabo da Boa Esperança – 1497 Natal – 1498 Quelimane
  • 1498 Índia Calecute – 1498 Melinde – 1500 Madagáscar – 1500 Terra Nova
  • 1500 Brasil Porto Seguro – 1502 Cananea – 1505 Ceilão – 1507 Ormuz
  • 1509 Damão – 1509 Malaca – 1511 Pegu – 1512 Molucas – 1512 Timor
  • 1514 Rio da Prata – 1514 Rio de Cantão – 1516 Rio Ganges – 1525 Ilhas Palau

4. Mosteiro dos Jerônimos

A principal atração de Lisboa é essa joia do Patrimônio Mundial da UNESCO, um mosteiro que se estende por vários quarteirões.

A obra-prima manuelina bem conservada tem motivos marítimos e claustros dramáticos construídos para honrar a descoberta da rota do mar indiano de Vasco da Gama em 1498.

5. Torre de Belém

A torre fortificada de quatro andares, foi construída no início do século XVI. Sua linda loggia renascença e cantos de estilo mourisco são um testemunho de tempos de glória.

Sobre mim

Olá, meu nome é Ingrid.
Sou Engenheira, Foodie e Escritora de viagem :)

Tenho uma curiosidade infinita pelas diferentes formas de viver, culturas, tradições e sabores.

Já passei por mais de 30 países e hoje sou nômade digital, trabalho de qualquer lugar do mundo, mas escolhi o Porto como lar.

Conecta-te comigo
Planeje sua Viagem
Descubra os buscadores que usamos para pagar mais barato e viajar mais
Grátis

Autor desse artigo:

Compartilhe esse artigo com seus amigos
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on email
Share on telegram
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest

Deixe um comentário

Translate »