Artigos Como Viajar Melhor Artigos Tips

Por que você nunca deve viajar com os pés no painel

Para muitos passageiros é normal vez ou outra se sentir desconfortável na posição normal e se esticar apoiando os pés no painel do carro durante uma viagem. Mas a história de uma mulher pode fazer você repensar sua estratégia de conforto.

“Toda a minha vida eu tinha minhas pernas cruzadas sobre o painel”, disse Audra Tatum à CBS News. “Meu marido sempre me disse: Se algum dia a gente bater de carro, você vai quebrar as pernas.”

Audra disse que garantia ao marido que ela poderia colocar o pé normal em caso de acidente.

Mas, em 2 de agosto de 2015, a teoria de Audra se revelaria dolorosamente errada quando o casal, que viajava para a casa dos pais de Audra, se envolveu em um acidente com outro veículo.

“O airbag saiu, empurrando o pé e me quebrando o nariz”, disse Audra. “Eu estava olhando para a planta do meu pé bem no meu rosto”. Clica aqui pra ver a imagem de como ficou depois do airbag abrir, e lembre que a perna já tinha voltado pra essa posição pois o airbag já tinha desinflado. 😨😨😨

Audra também quebrou o tornozelo, o fêmur e o braço no acidente.

“Basicamente, todo o meu lado direito estava quebrado, e foi simplesmente por causa da minha ignorância”, disse Audra. “Eu não sou o Superman. Não pude pôr o pé de volta à tempo”.

Na realidade, há absolutamente nenhuma chance de um ser humano reagir rápido o suficiente para vencer um acidente ou uma implantação de airbag. Como o Departamento de Bombeiros de Chattanooga explicou em uma publicação no Facebook , os airbags se desdobram entre 160 e 354 Km/hora e provavelmente “enfiarão os joelhos através dos seus olhos”.

Dois anos depois de seu acidente, Audra ainda sofre de sua decisão. Ela não pode mais trabalhar em serviços médicos de emergência, já que ela não pode mais levantar os pacientes e não pode suportar mais de quatro horas de esforço.

“Eu continuo dizendo a todos, você não quer essa vida”, disse ela. “Você não quer a dor e a agonia que eu sinto todos os dias”.

Então vocês já sabem, pézinhos no chão, olhos na estrada e cinto preso. Te desejamos ótimas e seguras viagens.

Deixe um comentário ou pergunta